“PENETRANDO” EM 50 TONS DE CINZA: INTERSECÇÕES ENTRE LITERATURA E PSICANÁLISE

Epaminondas de Matos Magalhães, Regiane Picão

Resumo


O presente artigo tem por objetivo tecer uma análise da obra 50 tons de cinza, de E. L. James sob o ponto de vista literária, acerca do discurso polifônico e psicanalítico, levando em consideração entre o id, ego e superego. Os desejos que a personagem Anastásia desenvolve por Christian Grey, demonstram traços de um Id, que se vê reprimido por um voz, que revela as convenções sociais.


Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, M.M. Problemas da poética de Dostoiévski. Trad. Paulo Bezerra. 4ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008.

BARROS, Diana Luz Pessoa de. Dialogismo, polifonia e enunciação. In: ______; FIORIN, José Luiz (Org.). Dialogismo, polifonia, intertextualidade: em torno de Bakhtin. São Paulo: Edusp, 1994.

BEZERRA, Paulo. A perenidade em Dostoiévski. Cult – Biografia e crítica – Fiódor Dostoievski: o profeta da literatura russa. São Paulo: Editora Bregantini, n. 4, p. 6-13, 2006.

ECO, Umberto. Seis passeios pelos bosques da ficção. Trad. Hildegard Feist. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

JAMES, E. L. Cinquenta tons de cinza. São Paulo: Intrínseca, 2011

LAPLANCHE, J; PONTALIS, J-B. Vocabulário de Psicanálise. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

NASIO, Juan David. Lições sobre os 7 conceitos cruciais da psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar, 1997

NASIO, Juan David. Introdução a topologia de Lacan. Rio de Janeiro: Zahar, 2011

FREUD, S. (1923). O ego e o id. In: EDIÇÃO standard brasileira das obras completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996.

FREUD, S. (1914). Sobre narcisismo: uma introdução. In: EDIÇÃO standard brasileira das obras completas de Sigmund Freud. Rio de Janeiro: Imago, 1996.

KAUFMANN, Pierre. Dicionário enciclopédico de psicanálise: o legado de Freud e Lacan. Trad. Vera Ribeiro; Maria Luiza X. de A. Borges, Rio de Janeiro; Jorge Zahar, 1996

LHOSA, Mario Vargas. “la verdad de las mentiras.“ In: La verdad de las mentiras. Ensayos sobre literatura. 2.a Ed., Barcelona, Seix Barral, 1990, p. 5-20.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.