A PLATAFORMA ARDUINO COMO INSTRUMENTO METODOLÓGICO NO CURSO DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

Jorieney Dias, Vera Lúcia Macedo de Oliveira Teixeira

Resumo


O estudo objetivou avaliar o uso da Plataforma Arduino como instrumento motivacional no aprendizado de lógica de programação no curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas na cidade de Barra do Garças-MT, analisando o uso do Arduino em aulas práticas mais diversificadas, associadas principalmente com a disciplina de Algoritmos e Programação,  e apresentando as vantagens de uma proposta metodológica interdisciplinar para os alunos, que responderam um questionário pré-elaborado. No resultado da pesquisa foi apontado pelos alunos o quanto se sentiram  motivados a aprender lógica de programação com o uso de software e hardware

Texto completo:

PDF

Referências


ABE, K. S.; ALBERTON, B. A. V.; MERKLE, L. E. Utilização da plataforma open-source Arduino como ferramenta para ensino de programação e eletrônica no ensino médio. Anais: XVII - Seminário de iniciação científica e tecnológica da UTFPR. Curitiba: UTFPR, 2012.

ARDUINO. ARDUINO. Disponível em . Acesso em 26 julho 2016.

CORDEIRO, L. Z.; GOMES, E. Estudo sobre o uso e a apropriação das tecnologias da informação e comunicação na educação Latino-Americana: ensaio sobre um percurso de investigação. Uberaba, v. 5, n. 1, p. 15-29, jan. – jun. 2012.

CORMEN, Thomas H. et al. (2002). Algoritmos: Teoria e Prática. Elsevier, Rio de Janeiro – RJ.

EVANS, Martin; NOBLE, Joshua; HOCHENBAUM, Jordan. Arduino em Ação. Tradução: Camila Paduan. 1 ed. São Paulo: Novatec, 2013. 424p.

FRANÇA, T. B. A gestão educacional e as novas TICs aplicadas à educação. Armário da Produção Acadêmica Docente, v. 4, n. 8, 2010.

GUIMARÃES, Janneene Brum; PEREIRA, Willians de Paula. Utilização de arduino no ensino de algoritmos, lógica de programação e robótica. (GPMecatrônica - Grupo de Pesquisa em Automação e Robótica). 03p.Porto Velho, RO. IFRO. Departamento de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia. [t.] Disponível em: Acessado em: 26/07/2016 às 18h01mins.

MACEDO, R. S. de; PRIETCH, S. S. Proposta Interdisciplinar de Ensino de Disciplinas da Computação Utilizando Micro-controlador Arduino. Anais: II – Encontro Nacional de Informática e Educação. Cascavel: UNIOESTE 2011.

MENESTRINA, Tatiana C.; BAZZO, W. A. Ciência, tecnologia e sociedade e formação do engenheiro: análise da legislação vigente. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, Ponta Grossa, v. 1, n. 1, p. 1-18, 2008.

PEDRÓ, Francesc. Tecnologias para a transformação da educação: experiências de sucesso e expectativas. Apresentação do documento básico no I Seminário Internacional Tecnologias para a transformação da educação: experiências de sucesso e expectativas. São Paulo, 25 novembro de 2014. 3p. Disponível em: Acessado em: 26/07/2016 às 18h10mins.

PERRENOUD, Philippe. Escola e Cidadania: O Papel da Escola na Formação para a Democracia. Porto Alegre: Artmed, 2004.

PURDUM, Jack. Beginning C for Arduino: Learn C Programming for the Arduino and Compatible Microcontrollers. Tradução: Nossa. 1 ed. [s.l.]: Apress, 2012, 280p.

SILVA, Cylon Gonçalves da.; MELO, Lúcia Carvalho Pinto de. (Coord.). Ciência, tecnologia e inovação: desafio para a sociedade brasileira - livro verde. 1ª ed. Brasília: Ministério da Ciência e Tecnologia /Academia Brasileira de Ciências. 2001. 250p.

SILVEIRA, R. M. C. F.; BAZZO, W. Ciência, tecnologia e suas relações sociais: a percepção de geradores de tecnologia e suas implicações na educação tecnológica. Ciência & Educação, v. 15, n.3, p. 681-694. 2009.

SOUSA, Robson Pequeno de; MOITA, Filomena da M. C da S. C.; CARVALHO,Ana Beatriz Gomes (Org.).Tecnologias digitais na educação.21 ed.Campina Grande:EDUEPB, 2011. 273p.

WEINERT et al. O uso das tecnologias de informação e comunicação no cotidiano escolar das séries iniciais: panorama inicial. R. B. E. C. T., v. 4, n. 3, set. – dez. 2011.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.