QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO

CLAUDINEIA VIANA DA SILVA, ABEL POMPEU DE CAMPOS JÚNIOR

Resumo


A qualidade de vida no trabalho hoje pode ser definida como uma forma de pensamento envolvendo pessoas, trabalho e organizações, onde se destacam aspectos importantes: a preocupação com o bem- estar dos colaboradores, com a eficácia nas decisões e problemas do trabalho. A presente pesquisa tem como objetivo indicar melhora na qualidade de vida no trabalho (QVT) dos funcionários de uma empresa do ramo de marcenaria, procurando identificar riscos ergonômicos e de acidentes de trabalho, além da satisfação do trabalhador quanto à atividade por ele realizada.  Para a realização desta pesquisa, foi aplicado um questionário aos colaboradores da madeireira, com perguntas relacionadas aos EPIs, motivação e interação entre as pessoas. Os resultados mostraram que poucos colaboradores utilizam os EPIs e a interação, principalmente, com os supervisores é pouca.  Com isso faz-se necessário melhor disponibilização de equipamentos de segurança e que sejam realizadas confraternizações com mais frequência.

 


Texto completo:

PDF

Referências


ABEC. Elaborando Trabalhos Científicos – Normas para apresentação e elaboração/UNIVAR – Faculdades Unidas do Vale do Araguaia. Barra do Garças (MT): Editora ABEC, 2015.

CERVO, Amado L.; BERVIAN, Pedro A.; DA SILVA, Roberto. Metodologia científica. 6. ed. 2007.São Paulo: Pearson Prentice Hall.2007.53, 60-61.

CHIAVENATO, Idalberto. Gestão de Pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações. 3. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010, p.8-10.

GIL, A. C. Gestão de Pessoas. São Paulo: Atlas S.A., 2006.

GIL, A.C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

HERZEBERG, Frederick. Mais uma vez: Como motivar meus funcionários? In. VROON, Victor Gestão de Pessoas, não de Pessoal: os melhores métodos de motivação e avaliação de desempenho. São Paulo: Ed. Campus, 1997, p.21,55-139.

LUZ, R. Gestão do clima organizacional. Rio de janeiro: Qualitymark, 2003.

MATOS, F. G. Fator QF – Ciclo de felicidade no trabalho. São Paulo: Makron Books, 1997.

MEROTTI, Silvinha. Qualidade de vida no trabalho X Autorealização Humana. Instituto Catarinense de Pós-Graduação – ICPG. Disponível em:

http://www.posuniasselvi.com.br/artigos/rev03-12.pdf. Acesso em 04 de Maio de 2015.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. ed. 12. reimp. (Revista e ampliada). São Paulo: Atlas, 2011.

RODRIGUES, M. V. C. Qualidade de vida no trabalho – Evolução e Análise no nível gerencial. Rio de Janeiro: Vozes, 1994.

SAMPAIO, J. R. O Maslow desconhecido: uma revisão de seus principais trabalhos sobre motivação. Revista de Administração da USP. São Paulo, v. 44, n.1, pp 5-16, jan/fev/mar2009.

SEVERINO, A. J. Metodologia do trabalho científico. 23. ed. Rev. e Amp. De acordo com a ABNT. São Paulo: Cortez, 2007.

WEISS, D. Motivação e resultado – Como obter o melhor de sua equipe. São Paulo: Nobel, 1991.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2005.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.