AVALIAÇÃO DE CISTICERCOSE VIVA E CALCIFICADA EM BOVINOS ABATIDOS NA REGIÃO DO VALE DO ARAGUAIA, MATO GROSSO – BRASIL

HENRIQUE RIBEIRO SILVA, CRISTIANE ISABÔ GIOVANINI, ANA PAULA DA SILVA POSSAMAI, ANA APARECIDA BOING ROBL, KARINA RODRIGUES GOMES, LEONARDO ARANTES MASCARENHAS

Resumo


No atual panorama da bovinocultura de corte, Mato Grosso se destaca por possuir o maior rebanho nacional, tornando necessário maior atenção a algumas doenças. Desta forma, objetivou-se com este trabalho verificar a prevalência de cisticercose bovina em frigorífico sob inspeção federal na região Vale do Araguaia. Foram avaliados in loco 24847 animais, provenientes de 24 municípios do estado. Como resultado, foram encontrados 4 casos na forma calcificada e 1 na forma viva, sendo observada prevalência aparente de 0,02%, considerada baixa, demonstrando a redução gradativa da doença na região.


Referências


AGROLINK. Prejuízos com a cisticercose bovina chegam a 50% do valor do arroba. 2010. Acesso em: 06 de outubro de 2015. Disponível em: http://www.agrolink.com.br/noticias/prejuizos-com-a-cisticercose-bovina-chegam-a-50--do-valor-do-arroba_119782.html

BRAGA, P.F.S.; MARIANO-DA-SILVA, S.; OLIVEIRA, S.L.; SANTANA, F.J.F.; SOUSA, F.R.; SILVA, T.D.P. Prevalência de cisticercose bovina na região sudoeste de Goiás In: Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão da Ufg - Conpeex, 3., 2006, Goiânia. Anais eletrônicos do XIV Seminário de Iniciação Cientifica [CD-ROM], Goiânia: UFG, 2006

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Secretaria de Defesa Agropecuária (DAS). Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal (DIPOA). Divisão de Normas Técnicas (DNT). Decreto Lei nº 30.691, de 29 de março de 1.952. Alterado pelos Decreto. nº 1.255 de 25/06/62, nº 1.236 de 02/09/94, nº 1.812 de 08/02/96 e nº 2.244 de 04/06/97. Regulamento da Inspeção Industrial e Sanitária de Produtos de Origem Animal (RIISPOA). Brasília: RIISPOA, 1997. 241 p.

CARVALHO, L.T.; COSTA, R.F.R.; SANTOS, I.F.; CARVALHO, A.L.T. Prevalência de cisticercose em bovinos abatidos em matadouro frigorífico sob inspeção federal em Minas Gerais. Revista Brasileira de Ciência Veterinária, v. 13, p. 109-112, 2006.

CORRÊA, G. L. B.; ADAMS, N. A.; ANGNES, F. A.; GRIGOLETTO, D. S. Prevalência de cisticercose em bovinos abatidos em Santo Antônio das Missões, RS, Brasil. Revista da Faculdade de Zootecnia, Veterinária e Agronomia, v. 4, n. 1, p. 43-45, 1997.

COSTA, R.F.R.; SANTOS, I.F.; SANTANA, A.P.; TORTELLY, R.; NASCIMENTO, E.R.; FUKUDA, R.T.; CARVALHO, E.C.Q.; MENEZES, R.C. Caracterização das lesões por Cysticercus bovis, na inspeção post mortem de bovinos, pelos exames macroscópico, histopatológico e pela reação em cadeia da polimerase (PCR). Pesquisa Veterinária Brasileira, v. 32, n.6, p.477-484, 2012.

DORNY, P.; VERCAMMEN, F.; BRANDT, J.; VANTEEENKISTE, W.; BERKVENS, D.; GREETS, S. Seroepidemiological study of Taenia saginata cysticercosis in Belgian cattle. Veterinary Parasitology, Amsterdam,. v.88, n.1,p.43-49, 2000.

DUTRA, L. H.; GIROTTO, A.; VIEIRA, R. F. C.;VIEIRA, T. S. W. J.; ZANGIROLAMO, A. F.; MARQUÊS, F. A. C.; HEADLEY, A. S.; VIDOTTO, O. A prevalência e epidemiologia espacial da cisticercose em bovinos abatidos no Brasil. Semina: Ciências Agrárias. v. 33, n. 5, p. 1887-1896, 2012.

GIOVANNINI, C.I. et al. Prevalência de Cisticercose Bovina em abatedouro-frigorífico do município Rondonópolis – MT. I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Campus Rio Verde do IFGoiano. p.1-3, 2012.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Produção da pecuária municipal, v.41, 2013. Disponível em: . Acessado em: 07 de outubro de 2015.

IMEA. Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária. Disponível em: http://www.imea.com.br/#. Acessado em: 06 de outubro de 2015.

LIMA, R.S. et al. Prevalência de Cisticercose Bovina e conhecimento sobre a doença em 20 municípios do estado do Mato Grosso. Revista Panorâmica Multidisciplinar, Barra do Garças, MT - n.12, p .46-60. 2011.

MOREIRA, M.D; ALMEIDA, L.A; REIS, D. O; SANTOS, W.L.M. Cisticercose bovina: um estudo com bovinos abatidos em Matadouro Municipal de Uberlândia, MG. Higiene Alimentar, São Paulo, v. 16, n. 100, p.37-41. 2002.

OLIVEIRA, A.W.; OLIVEIRA, J.A.C.; BATISTA, T.G.; OLIVEIRA, E.R.A.; CAVALCANTI NETO, C.C.; ESPINDOLA FILHO, A.M. Estudo da prevalência da cisticercose bovina no estado de Alagoas. Acta Veterinaria Brasilica, v. 5, n.1, p. 41-46, 2011.

OLIVEIRA, L.A.; OLIVEIRA, P.A.; RODRIGUES, G.V.; MERLINI, L.S.; GONÇALVES, D.D. Prevalência da cisticercose bovina em frigorífico sob inspeção federal na região noroeste do Paraná, Brasil. Enciclopédia Biosfera, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.9, n.17; p. 2013.

PEREIRA, M.A.V.C.; SCHWANZ, V.S.; BARBOSA, C.G. Prevalência da cisticercose em carcaças de bovinos abatidos em matadouros-frigoríficos do estado do Rio de Janeiro, submetidos ao controle do Serviço de Inspeção Federal (SIF-RJ), no período de 1997 a 2003. Arquivo do Instituto Biológico. v. 73, n.1, p. 83- 87, 2006.

REZENDE-LAGO, N. C. M.; REIS, L. S. dos; MARCHI, P. G. F. de. Levantamento epidemiológico da cisticercose e tuberculose em bovinos abatidos sob inspeção federal no município de Sertãozinho, SP. Revista Higiene Alimentar, São Paulo, v. 25, n. 192-193, p. 175-181, 2011.

ROBL, A.A.B.; MATOS, R.G.; KANO, F.S. Frequência da Cisticercose em bovinos abatidos sob serviço de inspeção estadual, município de Barra do Garças – MT – Brasil. UNOPAR Científica Ciências Biológicas e da Saúde. 2009; 11(3):33-6.

RONDINELLI, S.M.B.; REZENDE, A.V.; SILVA, D.B.; SANTOS, R.S.; SIQUEIRA, L.J.R.; BÓCOLI, L.E.B. Levantamento epidemiológico da ocorrência de casos de cisticercose bovina no município de Mumbazinho – MG. Veterinária Notícias., Uberlândia, v.17. n.2, p. 135-143, jul./dez. 2011.

SILVA, H. R. ; MARCHI, P. G.F.; GIOVANNINI, C. I. ; REIS, A. G. ; SANTOS, J. B. . Prevalência de cisticercose e tuberculose em bovinos abatidos na região Vale do Araguaia em frigorífico sob inspeção Federal. In: VII Congresso Lationoamericano e XIII Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos III Encontro Nacional de Vigilância de Zoonoses e V Encontro do Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Anima, 2015, Buzios. Revista Higiene Alimentar, 2015. v. 29

SOUZA, V.K.; PESSÔA-SILVA, M.C.; MINOZZO, J.C.; THOMAZ-SOCCOL, V. Prevalência da cisticercose bovina no estado do Paraná, sul do Brasil: avaliação de 26.465 bovinos inspecionados no SIF 1710. Semina: Ciências Agrárias, Londrina, v.28, n.4, 9. 675-684, out./dez. 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.